PDJ Show 02: Henrique Caprino sobre Ninjin: Clash of Carrots, desafios na Pocket Trap, e experiências na Tokyo Game Show

0 Flares 0 Flares ×

Olá!

Seja muito bem-vindo ao segundo episódio do Produção de Jogos Show!

No PDJ Show eu, Raphael Dias, entrevisto desenvolvedores de jogos com dois objetivos em mente:

  1. Tentar extrair as melhores dicas para você, que também quer criar jogos;
  2. Entender melhor a história que cada desenvolvedor de jogos passa, para você saber que não está sozinho nessa jornada.

Essas entrevistas acontecem em dois blocos. No primeiro bloco, disponível gratuitamente no youtube e futuramente no iTunes (como podcast), você vai ficar sabendo a história do desenvolvedor e detalhes sobre a produção do seus jogos.

Na segunda parte, exclusiva para alunos da Academia de Produção de Jogos, o entrevistado vai entrar a fundo em detalhes do desenvolvimento do jogo, falar sua visão sobre o mercado independente de jogos e responder a diversas perguntas enviadas pelos nosso assinantes.

Neste episódio eu entrevistei o Rodrigo Caprino, da Pocket Trap, que desenvolveu Ninjin (iOS) e está desenvolvendo Ninjin: Clash of Carrots (PC, PS Vita, PS3 e PS4).

ninjin

 

Vamos ver a entrevista?


 

Entrevista com Henrique Caprino

Nesta entrevista você vai saber mais sobre:

  • Como a Pocket Trap começou a fazer jogos;
  • Como foi o começo da carreira do Henrique e como ele conheceu os outros membros da Pocket Trap;
  • Como (e com qual objetivo) nasceu o primeiro protótipo de Ninjin;
  • Como algumas pessoas ganharam muito dinheiro vendendo jogos simples na iOS até 2012 e o que mudou desde então;
  • A história de como a Pocket Trap foi fundada e quando seus fundadores largaram seus respectivos empregos;
  • Como a mistura de estilos diferentes de jogos torna Ninjin um jogo único;
  • Como o nível de detalhes do Ninjin faz com que ele se destaque dentre os jogos mobile;
  • Quanto tempo o Ninjin demorou para ser desenvolvido;
  • Os erros que a Pocket Trap cometeu no lançamento do Ninjin (e como eles foram consertados posteriormente);
  • Como o Ninjin: Clash of Carrots deixou de ser um jogo mobile e passou a ser desenvolvido para as plataformas da Sony;
  • Como a Pocket Trap conseguiu 50 mil reais da prefeitura de São Paulo para desenvolver o Ninjin: Clash of Carrots;
  • Como a Pocket Trap conseguiu um acordo com a Sony para produzir o Ninjin – Clash of Carrots;
  • Porque a Pocket Trap decidiu refazer quase do zero o Ninjin: Clash of Carrots após alguns feedbacks;
  • Como a Pocket Trap foi parar no Japão para apresentar o Ninjin na Tokyo Game Show;

E muito mais!

Sem mais delongas, aqui está a entrevista com o Henrique:

Reproduzir

Show Notes

Abaixo, alguns links sobre pessoas, jogos e eventos citados durante a entrevista.

Equipe da Pocket Trap:

  • Henrique Caprino;
  • Henrique Lorenzi;
  • Rodrigo Zangelmi;

Jogos mencionados:

Eventos mencionados:

Vídeos do Ninjin na Tokyo Game Show:

Onde comprar o jogo?


E então, curtiu a entrevista?

Comente abaixo e vamos complementar o conteúdo da entrevista com um debate de qualidade sobre o jogo.

(Ah, e parabenizar a equipe da Pocket Trap pelo jogo também está valendo!)

E se você ainda não comprou o jogo, você pode comprá-lo clicando neste link. Como eu disse na entrevista, comprar esse jogo e tentar entender como as ideias discutidas na entrevista foram trabalhadas e resultaram no produto final (o jogo) é um excelente exercício para todo desenvolvedor.

Considere como uma “lição de casa” dessa aula que o Henrique Caprino nos deu durante a entrevista =)

 

E se você pensa em trabalhar com games ou seguir carreira nessa área, eu preparei um material para te ajudar nisso:

Plano de Ação para você entrar no mercado de games

Neste PDF, você vai encontrar informações para:

  • Identificar em qual estágio você está agora e quais são os próximos passos da sua jornada;
  • Descobrir o que fazer para realizar seu sonho de trabalhar com jogos – mesmo que você não faça ideia por onde começar;
  • Não perder mais 1 dia sem saber por onde começar ou como progredir na sua carreira – isso pode te custar meses, anos ou até mesmo fazer você desistir de trabalhar com o que realmente ama.

Baixe gratuitamente a cópia do Plano de Ação colocando seu nome e email abaixo – e saiba os próximos passos para realizar seu sonho de trabalhar com jogos: