GIMP – Guia Completo do Iniciante [2018]

GIMP – Guia Completo do Iniciante [2018]

O GIMP é um programa de edição de imagens de código aberto, gratuito e multiplataforma que você pode utilizar para criar e editar a arte dos seus jogos. Nesse artigo você verá como pode utilizar o GIMP no desenvolvimento do seu jogo (inclusive para Pixel Art) e dicas práticas de como começar a utilizar a ferramenta. Leia o artigo completo para ver: Como o GIMP pode ajudar no desenvolvimento do seu jogo; Comparação com outras ferramentas; Começando a usar o GIMP; Como criar Pixel Art Continue lendo

Scratch – Crie Jogos Usando Programação Visual

Scratch – Crie Jogos Usando Programação Visual

O Scratch é uma linguagem de programação visual que permite criar jogos, animações e histórias interativas. Sua dinâmica de funcionamento é bem simples e intuitiva, pois trabalha com blocos para montar, tipo LEGO. Se você não tem noção nenhuma de lógica de programação, então o Scratch é uma excelente ferramenta para começar a criar jogos. Nesse artigo você vai ver: Comece no Scratch com apenas 2 passos; Conheça o funcionamento básico do Scratch; Descubra o potencial do Scratch com esses 5 jogos; As vantagens de Continue lendo

Godot Engine – Guia do Iniciante [2018]

Godot Engine – Guia do Iniciante [2018]

Godot é uma game engine de código aberto voltada para a criação de jogos 2D e 3D multiplataformas. Se você tem pesquisado sobre como criar jogos, com certeza já percebeu a grande quantidade de ferramentas disponíveis. Neste artigo eu vou te apresentar à Godot Game Engine, uma ferramenta que tem crescido rapidamente em popularidade. Para quem está iniciando no mundo dos games e procura uma opção mais simples que engines elaboradas como Unity e Unreal, a Godot aparece como uma das principais opções juntamente com Continue lendo

Stencyl: Crie Jogos sem Programar [Guia Completo 2018]

Stencyl: Crie Jogos sem Programar [Guia Completo 2018]

Se você procura uma game engine simples, intuitiva e que não exige conhecimento de uma linguagem de programação, a Stencyl pode ser uma excelente opção para você criar jogos 2D. Uma das grandes vantagens da Stencyl é que você não precisa saber programar para utilizá-la.  Sabendo o básico de lógica, você pode combinar blocos visuais para determinar o comportamento de personagens e objetos do seu jogo. Esse programa ainda te permite criar jogos para várias plataformas, como iOS (iPhone e iPad), Android, Windows, Mac, Linux Continue lendo

Piskel – Guia do Editor Online para Pixel Art e Sprites Animados [2018]

Piskel – Guia do Editor Online para Pixel Art e Sprites Animados [2018]

Se você procura uma ferramenta simples e eficiente para criar pixel art e sprites animados para jogos digitais, o Piskel é uma excelente opção. Ele é um editor online gratuito que funciona no seu próprio browser, sem a necessidade de instalação. A interface é bem intuitiva e você pode acompanhar uma prévia da sua animação enquanto desenha. O Piskel te permite trabalhar sombras e degradês, alterar cores, ajustar a iluminação e muito mais. Algumas funcionalidades como a de espelhar o desenho por meio do Vertical Continue lendo

Vale a pena fazer faculdade de jogos digitais?

Vale a pena fazer faculdade de jogos digitais?

Você finalmente descobriu o que quer fazer da sua vida e decidiu que vai trabalhar com desenvolvimento de games. Mas, e agora: vale a pena fazer uma faculdade de jogos digitais? Seria melhor fazer faculdade em uma outra área, mais abrangente? Ou ainda, será que você precisa mesmo fazer faculdade para trabalhar com games? Esses são os principais questionamentos que as pessoas se fazem quando começam a pensar sobre trabalhar com jogos digitais. Neste artigo eu vou te explicar tudo que você precisa saber para Continue lendo

Um milhão de cópias vendidas na STEAM: conheça a história de Rafael Carminatti e como ele começou no desenvolvimento de jogos

Um milhão de cópias vendidas na STEAM: conheça a história de Rafael Carminatti e como ele começou no desenvolvimento de jogos

Como você sabe, desenvolver jogos não é uma tarefa fácil. É um processo que envolve diversas áreas como arte gráfica, programação, gerenciamento de projeto, game design, áudio, só para citar algumas. Imagine então desenvolver jogos sozinho. É um belo feito, você não acha? O novo PDJ Show que eu gravei pra você é com Rafael Carminatti, desenvolvedor indie que há 4 anos vive exclusivamente do desenvolvimento dos seus jogos. Ele toca seus projetos praticamente sozinho e já vendeu mais de 1 milhão de cópias (na Continue lendo

Como se manter motivado para criar jogos

Como se manter motivado para criar jogos

Quando a gente começa a desenvolver jogos, é tudo muito empolgante. Cada pequena conquista é muito comemorada e você está com toda energia para superar qualquer desafio que apareça. No entanto, com os passar dos meses e dos anos, é natural que você se desmotive em alguns períodos. E por estar desmotivado, cada obstáculo (não se engane: eles sempre vão aparecer) acaba sendo um grande fardo e às vezes parecem insuperáveis. Nesse momento, um grande perigo é você estar tão desmotivado a ponto de pensar Continue lendo

As lições de superação da The Glitch Factory e o belíssimo No Place for Bravery

As lições de superação da The Glitch Factory e o belíssimo No Place for Bravery

Imagine que você tem amigos (de infância, do colégio, da faculdade) que gostam muito de jogos e um dia surge aquela ideia “Vamos fazer um jogo juntos? Vamos abrir uma empresa de jogos?”. Você saberia como começar uma empresa de desenvolvimento de jogos indie do zero? Como montar e gerenciar uma equipe, lidar com parte burocrática e passar por todos os desafios de finalizar seu primeiro projeto? Nesse PDJ Show eu converso com o Igor Rachid da The Glitch Factory e vamos ver como foi Continue lendo

Fazer faculdade de jogos ou outra?

Fazer faculdade de jogos ou outra?

Se você deseja trabalhar com jogos, você já deve ter esbarrado com a opção de uma faculdade de jogos como forma de obter conhecimento. Eu sempre recebo vários emails de leitores perguntando se eu recomendo fazer uma faculdade específica para jogos (Jogos Digitais, Design de Games) ou uma mais abrangente que seja correlata (Ciência da Computação, Administração, Design Gráfico, etc). Os cursos de jogos são relativamente novos nas instituições de ensino e é natural ter dúvidas em relação a eles, principalmente quando comparados a cursos Continue lendo

10 ótimos sites para publicar seu jogo

10 ótimos sites para publicar seu jogo

Chegar ao fim do desenvolvimento de um jogo é uma grande conquista. Sendo o seu primeiro jogo ou o décimo, chegar no fim do desenvolvimento significa que você passou por muita coisa para estar ali. Você precisou desenvolver habilidades de programação, arte gráfica, desenvolvimento de projetos, game design, áudio, entre outros. E provavelmente passou pelos altos e baixos de um desenvolvedor de games. E para completar esse processo, você precisa publicar o seu jogo e mostrá-lo para o mundo! Nesse vídeo eu te falo 10 Continue lendo

Da faculdade de jogos a CEO: a trajetória de João Vítor e como a Cupcake pretende ser referência mundial em jogos casuais

Da faculdade de jogos a CEO: a trajetória de João Vítor e como a Cupcake pretende ser referência mundial em jogos casuais

A Cupcake é uma empresa brasileira que pretende ser referência mundial em jogos casuais. Há 2 anos eu fiz um PDJ Show com seu CMO, o Gabriel Stürmer, e desde então muita coisa aconteceu na empresa. Nesse novo episódio do PDJ Show eu conversei com o João Vítor, CEO da Cupcake, para entender sua trajetória desde a fundação da Cupcake e o grande crescimento que eles vêm tendo nos últimos anos. Assista à entrevista completa para saber: Como João Vítor começou trabalhando com jogos e Continue lendo

A melhor game engine para criar jogos

A melhor game engine para criar jogos

Nos últimos anos nós tivemos uma grande democratização no processo de desenvolvimento de jogos. Hoje temos acesso a diversas ferramentas de ponta por um preço relativamente baixo ou até mesmo gratuitamente. E com tantas opções na nossa frente, é inevitável surgir a famosa pergunta: Qual é a melhor game engine? Essa é uma das dúvidas que eu mais recebo no Produção de Jogos e provavelmente é a principal dúvida de quem está começando a desenvolver seus próprios jogos. No entanto, eu acredito que devemos fazer Continue lendo

Empreendedorismo, Game Founders e jogos Free to Play: a história da Plug & Boom

Empreendedorismo, Game Founders e jogos Free to Play: a história da Plug & Boom

No PDJ Show dessa semana, o meu convidado é o Gabriel Coutinho da Plug & Boom.  A história do Gabriel é interessante porque ele veio da ciência da computação e já tinha uma experiência de empreendedorismo antes de entrar na Plug & Boom. Nós conversamos sobre jogos free to play, monetização, editais de financiamento, a participação deles no Game Founders (uma das maiores aceleradoras de jogos do mundo) e muito mais! Assista à entrevista completa para saber: Da ciência da computação ao desenvolvimento de jogos: Continue lendo

Empreendedorismo, investimento de 500k e anos de experiência no mercado: conheça a história de Daniel Merkel e da SouthBox Game Studio

Empreendedorismo, investimento de 500k e anos de experiência no mercado: conheça a história de Daniel Merkel e da SouthBox Game Studio

Hoje eu trago pra você o primeiro PDJ Show do ano! Nessa edição eu conversei com o Daniel Merkel da SouthBox Game Studio. O Daniel tem uma vasta experiência na indústria de jogos e já trabalhou nos dois diferentes lados: como funcionário e como dono de sua própria empresa. Nessa trajetória, ele esteve no comecinho da Aquiris, um conceituado estúdio de Porto Alegre, e recentemente a SouthBox ganhou um investimento de R$ 500 mil da Ancine para desenvolver o Super Volley. Assista à entrevista completa Continue lendo

Como conquistar seus maiores objetivos em 2018

Como conquistar seus maiores objetivos em 2018

Eu acredito que boas perguntas fazem bons anos. Então eu quero começar o ano de 2018 com uma pergunta para você: O que separa as pessoas que conquistam seus objetivos daquelas que ficam apenas sonhando com uma vida melhor? Isso foi algo que sempre me perguntei. Eu sempre tive sonhos altos, desde criança. Mas como tornar esses sonhos realidade? Ou melhor: como ter metas a serem conquistadas em vez de sonhos que ficam para sempre na imaginação? Eu me fiz essa pergunta pela primeira vez Continue lendo

Game jams, networking e o desenvolvimento de Madcap Castle: a história de Diel Mormac

Game jams, networking e o desenvolvimento de Madcap Castle: a história de Diel Mormac

Nesse episódio do PDJ Show eu entrevisto o Diel Mormac, que acabou de lançar o jogo Madcap Castle. Se você pensa ou já pensou em mudar de carreira e trabalhar exclusivamente com jogos, você não pode perder essa entrevista. O Diel é desenvolvedor web e conversamos bastante sobre a transição dele para trabalhar integralmente com desenvolvimento de jogos. Assista à entrevista completa para saber: De servidores em Tibia ao aprendizado sobre programação para jogos: como Diel Mormac iniciou sua trajetória no desenvolvimento de games Criando Continue lendo

Estudo de caso: o engenheiro que decidiu empreender na indústria de games

Estudo de caso: o engenheiro que decidiu empreender na indústria de games

Com o crescimento da indústria de jogos no Brasil e a diminuição de sua barreira de entrada, muitas pessoas com carreiras já consolidadas passaram a olhar para o setor de games. Uma dessas pessoas é o Sergio Ueta, co-fundador da Mens Sana Interactive, empresa de games focada na criação de jogos que estimulem o cérebro e promovam o bem estar do jogador. Sergio é um dos alunos da Academia de Produção de Jogos e neste artigo ele vai compartilhar um pouco sobre como tem sido Continue lendo

Diário de Bordo: Criando um Jogo do Zero em 30 dias

Diário de Bordo: Criando um Jogo do Zero em 30 dias

Entre os dias 06 de Outubro e 05 de Novembro de 2017, aconteceu a 5a Maratona Academia PDJ. Esta é uma maratona online de desenvolvimento que eu faço com os alunos da Academia de Produção de Jogos e tem como objetivo fazer o pessoal realmente colocar a mão na massa e usar tudo o que aprendeu na criação de um jogo. No artigo de hoje, eu trago o devlog do jogo Ace Bond: Cat Rescue (jogue aqui), desenvolvido sozinho pelo Rodrigo Costa durante a 5a Continue lendo

Do mestrado em História ao desenvolvimento de jogos indie: a trajetória de Lucas Molina, criador do Painters Guild

Do mestrado em História ao desenvolvimento de jogos indie: a trajetória de Lucas Molina, criador do Painters Guild

Nesse PDJ Show eu converso com o Lucas Molina, desenvolvedor indie e criador do famoso Painters Guild, um simulador de uma academia de pintores do renascimento italiano. O Lucas tem uma formação que a princípio é pouco relacionada com a indústria de jogos, mas seu primeiro jogo finalizado numa disciplina durante o mestrado em História. Na entrevista nós falamos sobre: Como Lucas Molina usou um projeto de uma disciplina no mestrado para transformar a história da arte em um jogo, o Avant-Garde Monetizando um hobby: Continue lendo